quinta-feira, 10 de outubro de 2013

A quantidade de lixívia...

 
...que jornalistas acríticos, acéfalos, vendidos e acagaçados usaram hoje para lavar e "humanizar" a imagem de um PM que de humano nada tem, foi uma enxurrada. Como se não fosse perceptível que todos os presentes foram devidamente selecionados para dar ideia de uma plateia plural, com um painel de gente de todas as idades, onde os jovens não tiveram pejo em estar presentes depois de serem mandados para o exilio, e os aposentados também se fizeram representar sorrindo, bem dispostos, como se não estivessem a ser vilipendiados Todos figurantes de um cenário que transmitia a tranquilizadora garantia  de que a pseudo entrevista iria correr às mil maravilhas, mas que mais parecia a última ceia de Cristo, onde o orador principal, contornando questões controversas e  roubos, foi Judas Iscariotes!...Nada me admira que os presentes na assistência fossem simpatizantes e /ou colaboradores de tão "distinta" personagem que, sem vaias nem qualquer tipo de rebuliço, aceitaram pacificamente o anúncio despudorado da segunda revisão do OE deste ano!....dizem os media que a entrevista não lhe correu muito mal, mas essa avaliação só é tão benigna graças a todo um complot montado por gente que vive de joelhos!!!....
 
P.S. Hoje no café até às 13h passava música. Às 13 em ponto começou o noticiário, desligaram a música e puseram som na TV, aparecendo um grande plano de um pm sorridente a anunciar a revisão do OE. Imediatamente se levantou uma cliente dizendo: - "Oh pá, estava a dar música tão boa, apagaram-na, e agora puseram aí esse cão danado? vou-me já embora!" E foi!...ela e eu! (para não me dar azia antes de comer!...)

2 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

E depois o outro é que era Pinóquio!

Abraço

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Sobre o talk show do Passos e as vergonhas escondidas escrevi no dia do evento.
Também já estou a ficar assim.. quando aparece o Coelho na TV faço zapping
Bom FDS