segunda-feira, 5 de abril de 2010

Taditos...


Tenho tanta pena destas criaturas, até acho que deveriam receber mais apoios socais, se não, como conseguem fazer face às despesas de mudança de uma cidade provinciana para a capital??? Há cidadãos de 2ª que estão a receber subsídios por qualquer coisita sem importância, como o desemprego, por exemplo, que podiam prescindir deles para ajudar as criaturas. Inês de Medeiros incluída, claro, tem mesmo carinha de quem passa fome, tadita. Entre Paris e Lisboa a vidinha é difícil...

5 comentários:

polittikus disse...

Tratar os Srs. deputados por taditos é uma profunda flata de respeito. Não se devem tratar os deficiente mentais de tal forma...

maria mar disse...

LOL, tem razão, para a próxima não torno!...mas posso chamar-lhes então deficientes mentais? com o devido respeito por estes, claro.

maria mar disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kruzes Kanhoto disse...

Até já me sinto melhor...por saber o dinheiro destinado ao meu aumento serve para ajudar quem realmente precisa.

Saltapocinhas disse...

não, não é castrado...
espero que tenhas razão e que ele ande só na vadiagem, mas custa-me a crer, já que ele era muito caseiro, os passeios dele duravam 2 ou 3 horas no máximo e já está desaparecido há 4 dias...


beijinhos
(desculpa responder aqui, mas não sei o teu endereço)