segunda-feira, 22 de outubro de 2012

A lixívia....

 
Este produto, até há bem pouco tempo servia só como um bom desinfectante doméstico ou de espaços públicos fechados. Servia também para tirar as manchas/nódoas da roupa branca, sendo que, entretanto, surgiu uma nova lixívia que permite tirar as nódoas da roupa de cor. Com a evolução dos tempos foi-se-lhe dando uma outra utilidade diferente: passou a ser usada pelos media para tirar as nódoas de qualquer desgoverno. Segundo o "Dinheiro Vivo", em 2013 os portugueses irão trabalhar para o fisco até 3 de Junho, precisamente até ao mesmo dia de 2012. Se o OE apresentado para o próximo ano (2013) suscita tanta revolta popular, tanta oposição de fiscalistas e constitucionalistas devidamente reconhecidos, se é do conhecimento comum e reconhecimento do desgoverno que irá ser um orçamento muito mais penalizador que o anterior para todos os contribuintes, vem o Dinheiro Vivo informar-nos, candidamente, que afinal é um engano, que somos todos estúpidos, estamos enganados, fica tudo como antes. São artigos destes que descridibilizam os media e os fazem aparecer aos olhos do cidadão como pactuantes de ilegalidades e/ou de regimes menos transparentes. Com lixívia desta, atirada de forma corrosiva para os olhos dos papalvos,  qualquer desgoverno fica branqueado, enquanto na realidade, o povo ficará cada vez mais anémico.

2 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

O Dinheiro Vivo fez mal as contas, favorecendo o governo. Os portugueses irão trabalhar entre 7 e 8 meses por ano para o Estado, mas amanhã penso publicar ium post sobre isso
Bjs

mlu disse...

O que eu acho é que há uma espécie de acordo tácito em alguma comunicação social para branquear as malfeitorias deste governo. Sou eu que estou de má fé?

Bjs.