sexta-feira, 9 de agosto de 2013

Coisas asquerosas!...

 
Não me merecem o epíteto de "gente" muito menos o de "pessoas", porque não passam de seres rastejantes, asquerosos, que atacam os mais velhos, os que mais necessitam de atenção, de cuidados médicos, de repouso, depois de uma vida de trabalho. Os aposentados da CGA - Caixa Geral de Apoquentações! - vão ver as suas reformas cortadas em 10%, para as aproximarem, dizem os asquerosos, às do regime geral. Poderia aqui questionar se alguns desses que estão hoje no regime geral nunca fugiram à declaração efectiva dos seus rendimentos mensais?!... consequentemente, poderia ainda perguntar quantos desses usufruíram de bolsas de estudo para as proles, e outras mordomias pagas por quem sempre viu os seus rendimentos esburgados até ao ultimo cêntimo?... Não que lhes queira ver as pensões reduzidas, mas deixo ficar a revolta por não ver igualdade, equidade, ou o que lhe quiserem chamar no tratamento dos cidadãos, no que respeita à proporcionalidade dos descontos/compensações. Depois, vem ainda a isenção dos cortes para os iluminados da politica, com as indignas subvenções vitalícias, como se merecessem receber ad eternum pelas asneiras que agora andamos a pagar. Mais os deputados que fizeram da AR uma empresa própria, tipo camorra, e por lá andam há mais de 12 anos a representar sabe-se lá quem - a eles de certeza que sim!....e ainda os militares e juízes, porque convém que estejam preservados por questões estratégicas e logísticas, não vá o diabo tecê-las!... Por fim e, para me deixar mais animada, vem a ex-"chefa" do DCIAP (aquela que em tempos afirmou que "Portugal não é um País corrupto"!)dizer sobre o BPN que “Aquilo é um mundo, um mundo... Mexe-se na terra e sai minhoca por todo o sítio”. A Justiça funciona bem (digo eu!), as minhocas é que a emperram!...e, vai daí, porque a Justiça tem medo de minhocas, toca de me roubarem para com o meu dinheiro e de todos os outros da CGD pagarem a maior fraude do séc. XX - O BPN. Segundo o DN, Cândida Almeida diz que, dos seus planos para o futuro faz parte um projecto na área da defesa dos direitos humanos e da cidadania: “Vamos defender os cidadãos anónimos contra esses interesses que não têm rosto. Vamos lutar pelos direitos humanos […], contra a corrupção, o branqueamento de capitais, a fraude”. Então porque não começa já hoje????.......

3 comentários:

mlu disse...

Subscrevo completamente! É um bando de vampiros asquerosos que nenhum sangue satisfaz!


Bjs,

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Um governo define o caracter de quem o integra, quando não respeita os direitos dos reformados. É a mais hedionda quebra de palavra de um Estado. São uns badalhocos

maria mar disse...

Nunca houve governo de gente mais reles na história da democracia(?) portuguesa.....